EUA - 26/3/2009 11:23
PIB dos Estados Unidos reduz 6,3% no quarto trimestre
Dados revisados apontam pior resultado trimestral do indicador em 26 anos

O Produto Interno Bruto (PIB) dos Estados Unidos sofreu contração de 6,3% no último trimestre de 2008, segundo dados revisado pelo Burô de Análise Econômica do Departamento de Comércio do país. A estimativa divulgada na primeira prévia era de queda de 3,8% no PIB, bem abaixo da revisão posterior, de 6,2%. No terceiro quarto do ano passado, o PIB havia reduzido em 0,5%. O declínio divulgado é o maior nas comparações trimestrais desde o primeiro quarto de 1982.

 

Durante o período, os dados foram afetados pela redução das exportações, do gasto dos consumidores e de investimentos residenciais fixos – estes últimos atenuados pela contribuição de incentivos financeiros federais. As importações, que são subtraídas do cálculo do PIB, também diminuíram. Na comparação com os dados do terceiro bimestre, quase todos os componentes do cálculo pioraram.

 

O desempenho anual do PIB dos Estados Unidos mostra crescimento de 1,1% em 2008 em relação ao nível do ano anterior. Já na comparação com o último trimestre de 2008 e do ano anterior, a queda no PIB foi de 0,8%. Entre 2007 e 2006, entre os mesmos três meses, a variação positiva foi de 2,3%.

 

O índice de preços para compras domésticas, que mede quanto os residentes em território norte-americano pagam nas despesas do dia-a-dia, teve variação negativa de 3,9% no quarto trimestre. Nos três meses anteriores, houve aumento de 4,5% neste indicador. Já na comparação entre os três últimos meses de 2008 e os do ano anterior, houve aumento de 2% no indicador. Entre 2007 e 2006, o acréscimo fora de 3,3%.

 

Lucros corporativos referentes à produção atual reduziram em US$ 250,3 bilhões no quarto trimestre contra US$ 18,5 bilhões nos três meses anteriores. No desempenho do todo o ano de 2008, o decréscimo foi de 10,1% ante o ano anterior. Em 2007, esta mesma comparação representou decréscimo de apenas 1,6%.

 

Confira aqui (em inglês e em PDF) mais informações finais sobre PIB dos Estados Unidos.

Mário Barra




Todos os Direitos Reservados - Dinheiro Vivo 2005